6 em 6: Novembro



Oi gente!

Depois de perder o prazo no mês passado, eu agendei a publicação pro dia errado nesse mês! Viva o final de ano! \o/ \o/
Sério, fico meio louca no final do ano. Prometo que postarei mais no futuro.

Vamos para as fotos!

Neste mês só tem gatos! Desculpa, mundo!

1. Como passei o mês todo no trabalho, tem uma foto da minha janela: por motivos de... teve arco-íris!


A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on


2. Teve o Gohan sendo vesgo:




3. Teve a Kitty sendo fofinha


A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on


4. A caixa de papelão é o melhor amigo do gato


A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on


5. Os jeitos de dormir da Kitty


A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on


6. O Gohan dorme onde ele quer... o controle do XBox que se vire! Risos


A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on

Para participar do 6 em 6, é só entrar no nosso grupo no Facebook: 6 em 6 no Facebook 

6 em 6: Setembro - São Paulo!



Oi gente!

6 em 6 especial: A cidade onde você mora. No meu caso, São Paulo!
Separei seis fotos que eu tirei de alguns lugares da cidade para o post. Vamos lá!


1. O Pacaembu


2. O Minhocão

A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on

3. O Banespa

A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on

4. O Viaduto de Chá e a Praça da Bandeira

A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on

5. A Pinacoteca

A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on

6. A 9 de julho

A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on

Para participar do 6 em 6, é só entrar no nosso grupo no Facebook: 6 em 6 no Facebook 

Chanrio Maker: Vire um personagem da Sanrio



A Sanrio criou um site fofinho em japonês onde você pode criar o seu personagem da Sanrio ❤
Esta sou eu virando quase uma Hello Kitty :D

Clica para fazer o seu também: http://chanrio.com/

18/2015: Cidades de Papel - John Green


Mais um John Green (veja o que eu já falei dele aqui )!

Gostei de Cidades de Papel, mas ele nem de longe é bom como Quem é você, Alasca?, Margo é muito chatinha pra ser Alasca. Risos

O livro conta a história de Quentin "Q" Jacobsen e Margo Roth Spiegelman. Eles são vizinhos e na infância eram melhores amigos até que um acontecimento trágico afasta os dois. O tempo passa, eles estão agora no ensino médio e quase não se falam, até as vésperas da formatura, quando Margo invade o quarto de Quentin querendo ajuda em uma vingança. No dia seguinte a menina desaparece e Quentin começa uma busca pela Margo de verdade.

Acho que posso resumir o livro assim :)

Bom, Margo é doida. Não uma doida legal como a Alasca, mas uma doida chata e cheia de manias estranhas  (¬___¬) " Não gostei muito dela não! Várias vezes ficava torcendo pro livro dar errado (risos), mas o Quentin sempre me convencia a dar outra chance pra Margo. E eu sempre caia na dele...

Coisas legais do livro: ler qualquer coisa que o John Green escreve me deixa feliz ❤ neste livro em especial eu adorei a ideia das cidades de papel ❤ ❤ ❤ e das pessoas de papel da Margo.

Esse é um caso raro nas minha preferências: o livro é muito melhor que os personagens! Eu não gostei muito de nenhum deles (gosto um pouco da irmã da Margo, mas ela quase não aparece)! Queria trocar todos por outros melhores, mas a ideia do livro não me deixou largar a história até o final. Mágicas do bruxo John Green... :)

Ainda não vi o filme, dizem que é mais legal que o livro.
Não sei se acredito, quando eu assistir conto para vocês, mas ele já tem um ponto comigo: adoro a Cara Delevingne ❤



Alguém ai já assistiu? É melhor que o livro mesmo?
Conta pra mim! :)

Quatro livros novos para minha estante


Comprei livros novos!! Feliz  *_____*
Queria todos eles há tanto tempo! Chegaram no sábado e eu já li dois e meio! Risos

Um pouco de cada um: 

Livro de poesia super fofo ❤


Esse é antiguinho! Queria há tempos!
Ele compara as duas cidades por ícones minimalistas. Muito amor! 


Ouvi falar do método KonMari e resolvi testar em casa :)
Quero me livrar de metade das minhas tralhas!


Gente, pensa num livro fofo e com ADESIVOS!!!! ADESIVOS!!!!!! :D


Já leu algum deles? Gostou? Não gostou?
Me conta! :D 

17/2015: Para todos os garotos que já amei - Jenny Han


Para todos os garotos que já amei é um livro bem fofinho e tranquilo de ler. A parte mais legal da história é que é sobre uma família oriental (elas são coreanas), isso é meio raro, né?

Alguém ai já leu uma história de família oriental que não fosse um mangá? Eu não tinha lido.
Apesar da novidade, confesso que a única coisa diferente são algumas comidas que elas fazem. Risos.

Sobre o livro: Para todos os garotos que já amei conta a história da Lara Jean (tive dificuldades com esse nome por motivos de... NÃO COMBINAAAAAA!!!!! Eu tenho problema com nome que não combina, parece briga de família, sabe? O pai queria Jean, a mãe queria Lara. Ah, vamos juntar? Surge a Lara Jean), bom, a Lara Jean perdeu a mãe muito cedo e vive com suas duas irmãs (elas são as três irmãs Song) e seu pai. Margot é a irmã mais velha e tem cuidado de tudo até agora, mas ela está de malas prontas para fazer faculdade de antropologia na Escócia e agora Lara deve cuidar da irmã mais nova, Kitty.

Lara tem um hábito curioso: ela escreve carta de amor para os garotos que ela quer esquecer. Nenhum desses meninos sabe que ela já gostou deles já que ela nunca envia as cartas, elas servem para que Lara supere o amor não correspondido. Ela escreve uma carta contando a história e se despedindo do sentimento, são cartas dela para ela mesma. E sua caixa de memórias já conta com cinco destas cartas.

As coisa já estavam bem difíceis para Lara Jean, ela não se sente confiante para cuidar da casa enquanto sua irmã vai para outro país fazer faculdade, mas tudo piora quando as cartas que Lara escrevia para os garotos que ela já gostou são enviada para os destinatários.

Imaginem o grau de desespero da menina tímida que nunca teve coragem de se declarar, pensar que esses garotos estão lendo as cartas. A partir dai o livro ficar legal :)

Bom, eu adorei a história. É bem bonitinha ❤. Só que tem uma coisa muito ruim: o livro tem continuação e, por conta disso, ele termina no meio! Desespero!  *chora*

Poxa, custava dar um finalzinho menos dramático e um gancho para o próximo? Fiquei chateada.
No entanto, eu já esperava um pouco disso porque a história ainda estava no meio e tinha muito pouca página para "o final".

Tem uma coisa boa: a gente descobre o mistério das cartas :)

O livro foi publicado no Brasil pela Intrínseca e a continuação (PS. Ainda te amo), deve ser publicada em 2016.

Para ler um trecho do livro, conhecer a autora e baixar uns papeis de carta bem bonitinhos, acesse o site da editora: http://www.intrinseca.com.br/paratodososgarotosquejaamei

Alguém ai já leu o livro? Gostou?

Cinco coisas que eu detesto quando leio um livro


Queria escrever este post faz tempo.
Toda vez que vou fazer uma resenha de livro, acabo esbarrando em um ou outro item desta lista.

Confesso que meu maior drama é dizer que um livro é ruim e fazer alguém desistir de ler. Vai que era o livro da vida da pessoa? Vai que eu sou chata demais pra resenhar livros para as pessoas :-P

Acredito realmente que existe um momento certo para ler um livro. Mas isso não me impede de ser super ranzinza e odiar um livro que tenha um desses itens:


1. Quando o protagonista é um chato.

Gente não dá para ser feliz lendo a história de uma pessoa chata! Você torce contra e quando dá tudo certo, você acha injusto! Risos.

Protagonista chato me faz desistir de um livro!


2. Quando o livro não tem fim!

Por que fazer um livro sem fim? Que sentido tem isso?
Poxa, se você vai escrever uma história, escreve até o final!

Isso realmente me irrita!


3. Quando o livro tem continuação e acaba do nada.

Essa é terrível: você vai ler uma série e quando um dos livros termina, a história fica no ar, esperando a próxima edição. Ok, você quer fazer uma série! Adoro séries! Mas começa e termina o livro!

Li um dia desses que termina assim: "e ela foi no quintal irritada porque tinha brigado com os seus dois pretendentes". Fim da história!

O próximo livro só sai no ano que vem! Ódio!!!!! Por que não criar uma história com começo, meio e fim e no próximo livro você melhora a trama?

Não entendo...


 4. Quando o livro se arrasta...

Fazer um livro de 400 páginas para uma história de 100? Por favor, não! Isso me faz querer pular páginas!
Sério mesmo!

E quando você lê 80% do livro e não acontece nada. Dai nos últimos 20% tudo acontece: a protagonista morre, ressuscita, mata todo mundo, casa, tem três filhos que também casam... em 20% do livro... Parece que o autor mudou de ideia no meio da história e estragou tudo.


5. Capítulos infinitos.

Dos cinco, essa é a mais tranquila. Se for para existirem só livros ruins porque têm capítulos gigantescos, ok, para mim. Risos

Só fico contando páginas quando estou com muito sono e não quero parar no meio do capítulo. Às vezes é inevitável... risos.


Bônus: qualquer livro do David Nicholls.

O rei do dramalhão foi riscado da minha lista de autores.
Não dá! Eu não consigo!

Semana passada estava em casa e comecei a ver um filme O melhor de mim, e era dele.
Pensei: sou tão implicante! Vamos assistir, quem sabe não é esse drama todo! :D

Eu não vou contar o filme, só vou listar as desgraças, ok?


  • Explode uma plataforma de petróleo e umas pessoas morrem;
  • Um velhinho legal morre;
  • Um pai traficante bate no filho;
  • O cara que ajuda o filho do traficante é espancado;
  • Um cara mata o seu melhor amigo por engano;
  • Uma moça grávida perde o marido no dia do casamento;
  • Um cara bom é preso;
  • Um amor acaba;
  • Uma garota desiste da vida que sonhou porque engravida por engano; 
  • Uma criança morre de leucemia;
  • Um adolescente sofre um acidente, quase morre e tem que receber um coração novo;
  • Um adolescente é recrutado pelo tráfico;
  • Um cara legal leva um tiro e morre. 

Isso é enredo para uns 20 filmes muito tristes. Mas tudo acontece em um só. Juro! 
Depois dessa eu decidi: David Nicholls, nunca mais!! :P

Só li um livro dele (Um dia) e jurei que não vou mais fazer isso!
Deixo esse post aqui para eu nunca mais esquecer! :) 

E vocês, têm alguma implicância com livros?
Conta pra mim! 

TAG: Complete a frase


Adoro tags! Vi esta em vários blogs e resolvi responder também! :)
Espero que vocês gostem.

Não suporto… frio. Passo mal!

Eu nunca… dirigi. É... não sei e nunca tive vontade de aprender.

Eu já tive… mais paciência.

Quando criança… eu adorava brincar no quintal e comer tomates e morangos da horta da minha mãe.

Nesse exato momento… estou assistindo um programa bizarro chamado "Mestres da Fritura" :P

Eu morro de medo… de abelhas, marimbondos e vespas! E todos os amigos com ferrão que eles tenham!

Eu sempre gostei de... chocolate ❤

Se eu pudesse… dormiria umas 12h por dia. Ou mais. Amo dormir!

Fico feliz quando… estou em casa assistindo filmes ou séries no meu sofá ❤

Se eu pudesse voltar no tempo… teria estudado inglês quando era jovem :)

Adoro… tirar fotos!

Quero muito… conhecer a Austrália.

Eu preciso… de férias :(

Não gosto… de não ter mais tempo livre.

Cinco bolsas perfeitas da Imaginarium!


Eu adoro as bolsas da Imaginarium! Tenho três de coleções antigas e sou apaixonada por elas ❤

Ontem dando uma passadinha pelo site deles, me apaixonei por todas as bolsas das últimas coleções!
Gente, como faz agora?

Separei para vocês as minhas cinco favoritas! Surtem comigo:

1. Bolsa Jacquard Amores ❤
2. Bolsa Tudo são listras
3. Bolsa Moletom Mescla 
4. Bolsa Cinza Poa ❤
5. Bolsa Andorinhas ❤

Não são perfeitas?

Estou dividida entre três delas. Realmente não sei qual a mais linda!
E vocês, têm alguma favorita?

16/2015: Amy & Matthew - Cammie McGovern


Ainda estou dividida sobre esse livro, não sei se eu não gostei dele, ou só estou sofrendo de implicância gratuita. Risos.

Vou contar a história e deixo para vocês as impressões:

Amy nasceu com paralisia cerebral e por conta disso não consegue se comunicar sem a ajuda de um aparelho, anda somente com um andador e precisa de auxílio para fazer tarefas simples como carregar seus livros ou comer. Apesar destas dificuldades, ela está prestes a se formar no ensino médio e é a melhor aluna da classe.

Como está perto de ir para a faculdade, ela pede que sua mãe (Deus, como eu detestava a mãe dela!), treine um grupo de colegas da sua escola para substituir seus auxiliares, ele deviam ajudar Amy no dia-a-dia da escola. Ela quer aprender a se relacionar melhor antes de ir para longe de casa.

Nesse contexto surge Matthew. Ele se candidata para ser um dos ajudantes de Amy.

Eles trocam longos emails e já se conhecem um pouco antes do trabalho começar. Matthew era um garoto popular na escola até alguns anos atrás, quando os primeiros sintomas do Transtorno Obsessivo Compulsivo (TOC) começaram a se manifestar e ele decidiu se isolar.

Bom, o livro corre bem até a metade, vemos que apesar das dificuldades de Amy, o foco também é em como Matthew vai tomar consciência da sua doença e se tratar. Até ai, ok. Gostei da abordagem.

Mas de repente, do nada, tudo muda. Amy vira uma outra pessoa tudo fica estranho e você só vai descobrir o motivo no final do livro (ok, tem umas pistas e dá para desconfiar antes, mas você faz uma cara de "Aãã??? Como assim? Sério que vai ser desse jeito que você vai levar o livro?")

Outra implicância minha: o livro termina do nada! Ódio!!!!! Poxa, custa fazer um final bonitinho? OK, nem precisa ser muito bonitinho, mas não termina o livro do nada!
Detesto livro que termina assim: e ela saiu de casa e ele estava lá. Fim. E ai? O que aconteceu? Eles conversaram? Sobre o quê? Me conta!!!! Isso não é jeito de terminar um livro! Humph!

Talvez a minha implicância com Amy & Matthew, venha do fato de que eu estava esperando alguma coisa no estilo Eleanor & Park.
Mas tenho que aceitar que nada vai ser perfeito como Eleanor & Park ❤ e fim (te adoro, Rainbow Rowell!).

Acho que depois de escrever, estou convencida que não gostei do livro não!

Mas quem ficou curioso, por favor, leia Amy & Matthew e venha me contar o que você achou.
De repente, é o livro da sua vida! E longe de mim querer me colocar entre você e o livro da sua vida! :)

Risos.

Blog de cara nova!



Não sei se vocês são como eu, mas tem dias que acordo e enjoo das coisas. No meio do feriado da Independência tive um surto destes: quero um blog novo, não aguento mais o antigo!

Dai começou a busca por um template que me agradasse. Ainda bem que nestas horas existe o Etsy ❤ e foi fácil achar um monte de layouts lindos de morrer. Não resisti e comprei alguns :)

Depois disso foram algumas horas de trabalho até conseguir configurar tudo. Sou mega lerda porque não entendo nada de programação... devia ter começado a estudar faz tempo, mas sempre adio ← resolução de ano novo? Será? Risos

Bom, a parte mais chata foi reorganizar os marcadores que viraram categorias. Foi muito chato!
Mas agora está tudo organizado. Ufa!

Umas coisas não deram certo, a minha barra com o Sobre e o Blogroll sumiu! Tive que me virar com a coluna da direita. No final achei que ficou legal :)

Dai até eu enjoar de novo, este é o meu blog de cara nova.
Confesso que estou apaixonadinha por ele ❤

Espero que vocês também gostem!

6 em 6: Agosto



Oi gente!

Depois de uns seis meses longe, estou de volta com o 6 em 6! Brincadeiras a parte, meu mês de agosto foi infinito. Apesar disso, não tirei muitas fotos :( fui sugada pelo trabalho...

Bom, vamos lá!

1) Eu transplantei minhas mudas de suculenta para outros vasos. Bom, várias morreram, mas algumas estão vingando. Tô torcendo!

A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on

2) Assisti algumas séries no meu querido Netflix ❤️

A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on

3) Comprei esses óculos lindos de morrer na Livo. Tô muito apaixonada, gente! Ele é perfeito!


A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on

4) Minha Funkoland prosperou :)

A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on

5) O mês do trabalho foi agitado demais! Teve manifestação, evento, passeata, trio elétrico... tudo no mesmo mês.

A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on

6) E teve a lua cheia mais linda ever em uma sexta-feira :)

A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on

Para participar do 6 em 6, é só entrar no nosso grupo no Facebook: 6 em 6 no Facebook 

BEDA: Não voi desta vez :(

Não consegui fazer os 31 posts :( 
O meu mês me engoliu no trabalho e não deu tempo de preparar os textos e postar... quem sabe no ano que vem? :D 

Acompanhei alguns posts de vocês e descobri uns blogs novos muito legais! Acho que valeu a pena, né? 

Bom, até o ano que vem, BEDA! ;) 



15/2015: Isla e o final feliz - Stephanie Perkins


Isla e o final feliz é o terceiro livro da trilogia de meninas fofas da Stephanie Perkins; a primeira é a Anna (Anna e o beijo francês) e a segunda é a Lola (Lola e o garoto da casa ao lado).
Isla é na verdade o capítulo final da história dos amigos do St. Clair.

O livro conta a história de Isla, uma menina tímida que é apaixonada pelo Josh, o melhor amigo de St. Clair. Isla estuda na mesma escola americana, em Paris, que os personagens do primeiro livro e ela até tem uma "participação especial" na história da Anna. Risos

O começo da história é muito bom: depois de arrancar o dente siso e estar grogue da anestesia, Isla encontra seu amor platônico de mais de três anos, Josh, e resolve confessar que sempre gostou dele. Quando o efeito da anestesia passa, ela quer morrer, né? Para piorar a situação, ela não lembra direito o que aconteceu ou do que eles falaram, o que deixa a menina em pânico. 

Josh é um artista talentoso e diferente de Isla, ele não quer mais levar a escola tão a sério depois que todos os seus amigos se formaram.

Não vou contar mais nada da história dos dois, o livro merece ser descoberto.

Como sempre, Perkins leva a gente para passear em alguma cidade em seus livros. Com a Isla, conhecemos Nova Iorque, voltamos à Paris e temos uma aventura chuvosa em Barcelona ❤

Outra coisa que eu amo: tem crossover!!!! ❤ ❤ ❤ ❤
Acho que crossover em livros é como receber uma carta de um amigo que não vê faz tempo, você fica feliz em saber o que aconteceu com aqueles seus personagens tão queridos e que sumiram para sempre no outro livro.

Apesar da Anna ser a minha favorita, Isla e o final feliz é um livro bem fofo e que vale a leitura.
Recomendo! :)


BEDA: Muito amor nas ilustrações de Puuung

Dia 9: 


Se você tem um Facebook, provavelmente viu uma dessas ilustrações ultra fofas passeando na sua timeline. São de um artista coreano chamado Puuung e retratam pequenos momentos de felicidade do dia-a-dia. O nome da série é Love is... ❤

É para morrer de amor e ficar com o coração bem quentinho.


Para conhecer o trabalho do coreano, acesse: http://www.grafolio.com/puuung1
Ou a fanpage: https://www.facebook.com/puuung1


E vocês, já tinham visto alguma dessas ilustrações na sua timeline?
Elas me fizeram feliz nas últimas semanas!




BEDA: Unbreakable Kimmy Schmidt

Dia 8:


Procurando alguma coisa leve, engraçada e um pouco bobinha para assistir na Netflix? Seus problemas acabaram, te presento: Kimmy Schmidt :)

Kimmy ficou trancada em um bunker por 15 anos, com outras três mulheres, por conta de uma seita que acreditava que o mundo tinha acabado. Quando ela é encontrada só quer levar uma vida normal mas tem que conviver com a fama repentina já que ela virou uma "mulher toupeira".

O roteiro é da Tina Fey e a série é bem engraçada. Kimmy só tem referências da década de 90 o que faz dela um ET em plena New York.

Ela vai morar com Titus, um artista que sonha em cantar na Broadway, e trabalha com Jacqueline, uma ricaça que tem um filho pequeno e uma enteada.

Se você gosta de uma comédia divertida, corre para conhecer a Kimmy :)







BEDA: Funko lança coleção com os personagens de Friends

Dia 7:

Não sou fã de Friends. Para falar a verdade, eu nem assisti.
(Não me odeiem!)

Mas essa coleção de Funkos deles está tão fofa que estou apaixonada ❤

Imagem: Papel Pop

Imagem: Papel Pop
Leia mais sobre o lançamento no Papel Pop!


BEDA - 6 em 6: Julho



Dia 6 no meu BEDA!
É dia de 6 em 6 :)

Vou tentar um outro formato para postar as fotos.
Estou em dúvidas se vai funcionar ou não, mas vai valer pelo teste ;)

Julho eu quase fiquei louca no trabalho e tive minhas tão esperadas férias! (em casa, mas ainda assim, Férias!!).

Vamos lá!


1. Teve visita fofa no trabalho:

A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on

2. Teve visita fofa em casa:

A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on

3. Teve flor!

A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on

4. Teve o Gohan me atrapalhando na hora de ver o Pan de Toronto:

A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on

5. Teve ensaio no Parque com fotos que não terminei de editar ainda:

A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on

6. E teve foto de mini me. Risos

A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on

Esse foi o meu mês! Espero que vocês tenham gostado :)

Para participar do 6 em 6, é só entrar no nosso grupo no Facebook: 6 em 6 no Facebook 



BEDA: O que eu estou lendo

Dia 5:

Meus livros não evoluíram muito.

Estou terminando Não se apega, não, da Isabela Freitas.
E espero ser salva nos últimos minutos.
Risos


Detesto abandonar um livro, sabe, mas está difícil mesmo continuar esse...
Não gosto da protagonista e acho o jeito de autor imitar como ela fala super cansativo.
Enfim... alguém já leu?


O melhor livro dos três... preciso arrumar um livro legal! Urgentemente!! ;)



BEDA: Três filmes para ver no Netflix agora!

Dia 4:

Uma das coisas que mais gosto de fazer no meu tempo livre é assistir filmes.
Não ligo se vejo no computador, no tablet, na TV ou no cinema, contando que seja um filme :D

Confesso que meu gosto é bem diversificado também! Corro de comédia besteirol (eca) e não sou muito fã de terror (mas até assisto) o resto, eu topo :)

No final de semana assisti três filmes bem legais e queria indicar (se é que alguém ainda não viu algum deles. Risos).

Então vamos à lista!
Tem um filme francês, um argentino e um americano para agradar qualquer ouvido:

Um amor de vizinha


Esse é o mais fraquinho dos três, mas vale pelo talento do Michael Douglas e da fantástica Diane Keaton (amo ela!).

Michael Douglas faz o papel de um corretor de imóveis absolutamente insuportável (Oren Little) que está tentando vender a sua casa depois da morte da esposa. Diane Keaton é uma cantora que trabalha em um pequeno restaurante. Os dois vivem no mesmo condomínio e se aproximam quando uma neta, até então desconhecida, surge na vida do Oren.

Os diálogos entre Douglas e Keaton valem o filme! Eles são ótimos :)
É um filme bobinho para alegrar uma tarde de domingo!





Paris-Mathattan


Descobri esse filme muito por acaso no meio das mil recomendações do Netflix para mim.
Depois de ler a sinopse, não resisti e tive que assistir ❤

O filme conta a história da Alice. Ela não tem muita sorte no amor e quando finalmente o jogo muda, o escolhido prefere se casar com a irmã dela. Tadinha...

Depois dessa desilusão, Alice decide concentrar suas fichas na carreira e se torna uma farmacêutica bem sucedida. Só que na farmácia da família, além dos medicamentos, Alice adora receitar filmes para seus clientes. Não qualquer filme mas filmes do Woody Allen.

Alice é tão fã do Woody Allen que conversa com ele o tempo todo. Ele é seu conselheiro.
A história se complica quando Victor aparece para tumultuar a vida certinha da protagonista.

O filme é muito fofinho. Fiquei apaixonada.
A família da Alice é louca. Adoro o pai dela!

Deixo vocês com o trailer para se animarem:





O segredo dos seus olhos


O melhor sempre fica para o final.
Já tinha ouvido falar muito bem desse filme mas sempre adiava a hora de assistir. Sério, se você não viu, pare o que está fazendo e veja! O filme é muito bom! Darín como sempre está perfeito ❤

Darín é Benjamin Esposito, um oficial de justiça aposentado que resolve escrever um livro sobre um crime acontecido em 1974 e que marcou muito a sua carreira: o estupro e assassinato de uma jovem. Em sua busca por respostas e de justiça para o marido da vítima,  ele conta com a ajuda do seu amigo Sandoval e de sua chefe Irene, por quem Benjamin é apaixonado.

Se desse para resumir este filme, posso dizer que é uma grande história de amor. Recomendo muito para quem ainda não assistiu. Um filme imperdível!

O segredo dos seus olhos ganhou o Oscar de melhor filme estrangeiro em 2010 e está sendo refilmado nos EUA. No elenco Julia Roberts e Nicole Kidman.




BEDA: Um vício chamado Funko Pop!

Dia 3:


Você pode nunca ter ouvido falar em Funkos, mas com certeza já viu um deles passeando pela internet!

Eles são bonecos de vinil em três tamanho: alguns são pequenos (eles normalmente vêm em conjuntos de dois bonecos e têm uns 6 cm), os médios que são os mais comuns (mais ou menos 10 cm)  e os grandes (que têm uns 15 cm) .

Tenho alguns e sou louca por eles porque são muito fofos! Sério!
Mas cuidado! Funko vicia!

Este ano está uma tentação com um lançamento melhor que o outro. Na minha lista de compra estão com certeza as três coleções que ilustram esse post: Snoopy, Harry Potter e Monty Python ❤


Gente, tem como resistir? Olha a carinha do Charlie Brown e do Snoopy!
E os Harry Potter... nem sei qual o mais perfeitinho ❤ Dumble é o meu favorito! 

Os do Monty Python são a cara do marido :)



Eu normalmente compro os meus no eBay. Apesar de demorar uma eternidade para chegar, o preço costuma compensar.
Atualmente a gente já pode encontrar vários bonecos na Liberdade, em São Paulo.
Se você não mora por aqui, pode tentar o Mercado Livre e a Amazon também.

Esses são alguns dos meus funkos:

A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on

A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on

A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on

A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on



A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on

A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on


A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on

A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on

A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on

A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on

A photo posted by Ludmila Almeida (@ludmilac) on

Além desses eu tenho outros que não tiraram foto ainda.
Alguém por ai também coleciona Funko?